Cervejas Belgas

Visitando: Bruxelas, Bruges, Gent, Colônia, Bonn, e Eindhover.

 

Degustação de Cervejas: Deus, Delirium Tremens, Kolsch, Brugse Zot, Cantillon, Kolsch Früh, e as Trapistas Westvleterem, Achel e La Trappe.

 

Saída – 06/09/2017

Roteiro:

 

6/9          PARTIDA

Embarque com destino a Bruxelas.

 

7/9          BRUXELAS

Chegada no início da tarde, transfer para o hotel e acomodação.  City-tour a pé pelo centro de Bruxelas, até a Grand Place, onde estão alguns dos prédios mais belos do país. O centro da Bruxelas é um mosaico de lojas de chocolates, wafles, restaurantes e cafeterias.

Pernoite em Bruxelas

img1

Bruxelas, zona dos restaurantes

 

8/9          BRUXELAS

No final da manhã, visita à cervejaria Brouwerij Bosteels, em Buggenhout (40 Km de Bruxelas). As três cervejas atualmente produzidas são ícones entre as Belgas: Kwak, Karmeliet e Deus.

Deus – Cerveja champagnoise em estilo Biere Brut, com aromas florais com um toque de caramelo, tem um processo de fabricação bastante complexo, com 3 fermentações.

img2

Após da visita, prosseguimento para Melle  (45 Km) e visita à Brouwerij Huyghe, que nasceu em 1906 e por 80 anos produziu cerveja Pilsen. A partir de 1985, depois de uma reforma radical na empresa, dedicou-se à produção de cervejas Ales e hoje produz a famosa cerveja Delirium Tremens.

Delirium Tremens – uma clássica belga Trapista, tipo Strong Ale, que deve ser degustada por todos que se interessam por boas cervejas. Uma das melhores cervejas do mundo, é triplamente fermentada.

À tardinha, retorno a Bruxelas e tempo livre.

Pernoite em Bruxelas

 

9/9          BRUXELAS – COLONIA

Pela manhã, check-out do hotel com bagagem para uma noite. Passeio de trem a Colônia, na Alemanha. Visita à famosa Catedral, ao Museu da Água de Colônia, um dos mais antigos perfumes do mundo, e à fábrica de chocolates da Lindt.

Almoço na Cervejaria Hofbräu Früh, que produz a cerveja Kolsch Früh, fabricada exclusivamente na região de Colônia.

Pernoite em Colônia

Kolsch – A cerveja Kolsch é delicada, de cor amarelada e espuma branca e não persistente. Aroma frutado, pode traze traços de maçã, cereja ou pera, produzidos pela fermentação e não pela adição de frutas. Lembra uma Ale.

 img4

10/9        BOHN – BRUXELAS

Pela manhã, check-out do hotel e passeio de trem até Bonn (25 min) para conhecer a cidade que foi capital da Alemanha por mais de 40 anos.  Pode-se experimentar a cerveja típica do local, a Bonnsch – versão não filtrada da Kolsch, na Brauhaus Bonnsch.  À tarde, retorno a Bruxelas.

Chegada e acomodação no hotel.

Noite livre

Pernoite em Bruxelas

 

11/9        BRUXELAS

Manhã livre para explorar Bruxelas.

À tarde, visita à Cervejaria Cantillon, a única cervejaria familiar ainda em funcionamento em Bruxelas. A fábrica é um verdadeiro museu em atividade, que produz as cervejas de estilo Lambic, com um processo de fermentação espontânea.

Noite livre.

Pernoite em Bruxelas

Cantillon Gueuze – A Cantillon básica, uma perfeita Gueuze tradicional. Amêndoas, nozes no aroma e sabor com ataque ácido.

 

12/9        BRUXELAS – POPERINGE – BRUGES  

Pela manhã, check-out e passeioprivativo pela região de Flanders até a pequena cidade de Poperinge (135Km). Visita ao centro histórico e ao Museu da Cerveja.  Em seguida, degustação da cerveja trapista Vestvleteren, produzida pelos monges da Abadia de Saint Sixtus mas oferecida somente no bar In de Vrede, em frente ao Monastério.

Westvleteren Bruin 12 – com alto teor alcoólico (10,2%), é uma dark ale de cor marrom, aroma e sabor frutado lembrando amêndoas. É considerada a melhor cerveja do mundo.

img6

Hopmuseum Poperinge

 

Prosseguimento do passeio para Bruges (85Km). Chegada e acomodação no hotel.  Visita a esta importante cidade do centro da Europa na Idade Média e passeio de barco pelos canais.

Noite livre.

Pernoite em Bruges

img7

Bruges

 

13/9        BRUGES e GENT

Manhã livre.  OPCIONAL: passeio de trem a Gent (30 min).

À tarde, visita ao Museu histórico de Bruges, e à tardinha na cervejaria De Halve Mann, que produzir a cerveja do mesmo jeito e com os mesmos ingredientes de muitos anos atrás.

Brugse Zot – Expoente da marca Halve Mann, a cerveja de tipo Belgian Blond Ale é uma versão mais clara e menos amarga da Pilsenimg8.

Noite livre para caminhar por esta bela cidade.

Pernoite em Bruges

 

14/9        BRUGES – ACHEL – EINDHOVEN

Pela manhã, check-out e passeio privativo com destino às cervejarias trapistas da Holanda.

Chegando em Achel (120Km), visita à Brouwerij Achel, na Abadia de Saint Benedict, na fronteira entre Holanda e Bélgica, e degustação.

Prosseguimento para Eindhoven (26Km) para visitar a La Trappe. Feita no mosteiro Onze Lieve Vrouw Van Koningshoeven, foi a primeira cerveja fora da Bélgica a receber selo de Trapista.

Degustação.

Ao final da visita, acomodação no hotel em Eindhoven e visita ao centro histórico da cidade.

Pernoite em Eindhoven.

La Trappe, com uma variedade enorme de cervejas, entre elas a Blonde, a Dubbel, a Tripel e a Quadrupel – esta última considerada um vinho de cerveja, devido à sua longa maturação.

img9

Achel, a menor das cervejarias trapistas, apresenta seis cervejas entre Blond, BruinExtra, com graduação alcóolica variável de 5 a 9,5%.

 

15/9        RETORNO

No horário apropriado, deslocamento para o aeroporto e embarque para o Brasil.

 

 

Valor do pacote terrestre por pessoa em apto duplo:

E$  2.410,00 (mímino 12 pax)

 

O pacote incluiu:

  • 8 pernoites em hotéis categoria turística superior, com ótima localização;
  • Passagens de trem entre Bruxelas e Colônia, Colonia a Bonn e retorno;
  • City-tour a pé em Bruxelas, Bruges, Gent, Colônia e Bonn;
  • Visita às Cervejarias artesanais e familiares Brouwerij Bosteels, Brouwerij Huyghe, De Halve Mann, Cantillon e Hofbräu Früh;
  • Degustação das Cervejas Trappistas: Vestvleteren, Achel e La Trappe;
  • Todos os deslocamentos previstos em microonibus, trem ou onibus;
  • Acompanhamento em português durante toda a viagem.

 

Para maiores informações, entre em contato com a Caracol Turismo. Teremos o maior prazer em atendê-lo.